MECÂNICO DE USINAGEM

Encontre uma escola

Área: Mecânica Unidade: ESCOLA SENAI "ALMIRANTE TAMANDARÉ"
Av. Pereira Barreto, 456 - Centro | São Bernardo do Campo CEP: 09751-000
Telefone: 11 4331-6050 Site: http://www.sp.senai.br/sbc E-mail: senaitamandare@sp.senai.br

Duração: 1600 horas

Datas do Curso: Turmas já iniciadas - Consulte a escola para novas vagas ou acompanhe o processo seletivo: www.sp.senai.br/processoseletivo

Resumo

O Curso de Aprendizagem Industrial - Mecânico de Usinagem tem por objetivo proporcionar aos aprendizes qualificação profissional em processos de usinagem com máquinas convencionais e a comando numérico computadorizado (CNC).

Programação do Curso

TÉCNICAS DE REDAÇÃO EM LÍNGUA PORTUGUESA:
- Técnicas de intelecção de texto;
- Parágrafo;
- Descrição;
- Dissertação;
- Relatório;
- Estruturas-padrão de redação técnica.

MATEMÁTICA APLICADA:
- Conjuntos numéricos;
- Elementos de geometria;
- Regra de três simples;
- Triângulo retângulo;
- Elementos de álgebra;
- Organização de dados numéricos;
- Função real;
- Análise combinatória.

CIÊNCIAS APLICADAS:
- Materiais;
- Materiais e meio ambiente;
- Medidas físicas e unidades;
- Forças; Energia e trabalho;
- Máquinas simples;
- Princípios da termologia;
- Química dos materiais.

DESENHO TÉCNICO:
- Desenhos técnico e artístico;
- Material e instrumentos;
- Caligrafia técnica;
- Figuras e sólidos geométricos;
- Perspectiva isométrica;
- Projeção ortográfica;
- Cotagem;
- Supressão de vistas;
- Corte total e meio corte;
- Escala;
- Construções geométricas;
- Planificação;
- Rugosidade superficial;
- Corte;
- Casos especiais de projeção ortográfica;
- Elementos padronizados de máquinas;
- Tolerância dimensional;
- Tolerância geométrica;
- Desenho definitivo de conjunto e de detalhes.

INICIAÇÃO À INFORMÁTICA:
- Terminologia básica;
- Componentes do sistema de microcomputador;
- Periféricos;
- Sistemas operacionais;
- Vírus de computador;
- Editor de textos;
- Internet;
- Planilha eletrônica;
- Banco de dados;
- Programa de apresentação gráfica;
- Exercícios de navegabilidade em softwares da ocupação;
- Conseqüências provocadas pela utilização do computador.

CONTROLE DIMENSIONAL:
- Laboratório de metrologia;
- Erros de medição;
- Sistema de tolerância e ajustes ISO;
- Calibradores;
- Goniômetro;
- Relógios apalpadores;
- Relógios comparadores;
- Medição de rugosidade superficial;
- Tolerância de forma e posição;
- Durômetro;
- Paquímetros especiais;
- Micrômetros;
- Blocos-padrão;
- Régua e mesa de seno;
- Medição de encaixe rabo-de-andorinha;
- Medição de roscas;
- Projetor de perfis;
- Medição de dentes de engrenagem;
- Controlar;
- Medir;
- Montar blocos-padrão;
- Manter instrumentos de medição.

PNEUMÁTICA:
- Introdução à pneumática;
- Processos de preparação do ar;
- Regulagem de pressão;
- Lubrificação;
- Unidade de conservação;
- Cilindros;
- Motores;
- Simbologia dos componentes pneumáticos;
- Tipos de esquemas de comando;
- Denominação dos componentes pneumáticos;
- Representação de seqüências de movimentos;
- Válvulas direcionais;
- Válvulas de bloqueio;
- Válvulas controladoras de fluxo;
- Válvulas controladoras de pressão;
- Combinação de válvulas;
- Montagem de circuitos de comando pneumáticos.

HIDRÁULICA:
- Fundamentos de hidrostática e hidrodinâmica;
- Vantagens do acionamento hidráulico;
- Pressão hidráulica;
- Tipos de fluxo hidráulico;
- Bombas hidráulicas;
- Atuadores hidráulicos - cilindros;
- Motores hidráulicos;
- Diagramas e símbolos normalizados;
- Simbologia dos componentes hidráulicos;
- Codificação de cores;
- Válvulas de retenção;
- Válvulas direcionais;
- Controles direcionais;
- Modelos de carretéis;
- Métodos de acionamento;
- Válvulas desaceleradoras;
- Válvulas controladoras de pressão;
- Válvulas controladoras de vazão;
- Compensadores;
- Fluidos hidráulicos;
- Acessórios hidráulicos;
- Reservatório;
- Tubulações;
- Filtros e peneiras;
- Elementos de vedação;
- Instrumentos de medição hidráulica;
- Ensaios;
- Circuitos hidráulicos;
- Montagem de comandos.

INICIAÇÃO AO COMANDO NUMÉRICO:
- Comando numérico;
- Sistema de coordenadas;
- Funções de programação;
- Programação convencional (passo-a-passo);
- Programação de ciclo automático em torno;
- Programação de ciclo automático em centro de usinagem;
- Máquinas-ferramenta;
- Torre de troca de ferramentas;
- Procedimentos de utilização e operação das máquinas;
- Mensagens de falhas e alerta;
- Elaborar programas convencionais (passo-a-passo);
- Elaborar programa utilizando ciclos automáticos em torno;
- Elaborar programa utilizando ciclos automáticos em centro de usinagem;
- Operar as máquinas.

ELETRICIDADE BÁSICA:
- Fontes geradoras de eletricidade;
- Técnicas de conexão de condutores e isolação;
- Circuito elétrico;
- Instrumentos de medição;
- Componentes elétricos;
- Dispositivos de manobra e proteção;
- Normas técnicas, leitura e interpretação de diagramas elétricos de instalações;
- Circuito magnético;
- Corrente alternada;
- Dispositivos de proteção, acionamento e segurança;
- Motores elétricos de indução;
- Lâmpadas;
- Prevenção em energia elétrica;
- Explorar o local de trabalho;
- Emendar, soldar e isolar condutores;
- Medir corrente elétrica;
- Medir tensão e resistência elétrica;
- Comprovar a lei de Ohm;
- Testar componentes elétricos;
- Ensaiar circuitos elétricos prediais básicos;
- Ligar tomada universal com terra (Tug) e lâmpada incandescente de 110V comandadas por interruptor simples;
- Montar e testar luminária de lâmpada fluorescente (resistência de isolação e funcionamento);
- Ligar luminária de lâmpada fluorescente com tomada e plugue monobloco polarizado (Tue) de três terminais;
- Ligar motor de indução monofásico;
- Ligar motor de indução trifásico;
- Montar chave automática de reversão de motores monofásicos e trifásicos, ajustando o relê térmico para corrente nominal;
- Testar isolação de motores de indução;
- Verificar conexões de sistemas de aterramento.

TECNOLOGIA MECÂNICA:
- Ferro-gusa;
- Ferro fundido;
- Aço;
- Conseqüências provocadas pela obtenção de metais ferrosos;
- Metais não-ferrosos;
- Conseqüências provocadas pela obtenção de metais não-ferrosos;
- Uniões desmontáveis;
- Princípios de tecnologia do corte de metais;
- Processos de fabricação;
- Eixos e árvores;
- Chavetas;
- Acoplamentos;
- Mancais;
- Esforços mecânicos;
- Elementos de elevação;
- Molas helicoidais;
- Torneamento;
- Fresagem;
- Mandrilamento;
- Usinagem por abrasão;
- Conseqüências nos processos de usinagem;
- Normas brasileiras;
- Materiais plásticos;
- Borracha;
- Transmissões flexíveis;
- Engrenagens;
- Manutenção;
- Tecnologia de ferramentas de corte;
- Motivação;
- Liderança;
- Comunicação no processo produtivo;
- Célula de fabricação;
- A empresa;
- Planejamento industrial;
- Dimensão de qualidade e produtividade;
- Certificação;
- Ferramentas da qualidade;
- Controle total de perdas;
- Custos;
- Leiaute do sistema produtivo;
- Racionalização do trabalho;
- Organização do estoque;
- Tempo de produção;
- Recrutamento e seleção de recursos humanos;
- Relações trabalhistas.

PRÁTICA PROFISSIONAL:
- Furadeira;
- Esmerilhadoras;
- Mesa de traçagem e controle;
- Morsa de bancada;
- Limas;
- Serra manual;
- Brocas;
- Fresas de escarear (escareadores);
- Ferramentas de corte;
- Machos e cossinetes para roscar;
- Alargadores;
- Roscas;
- Peças metálicas de união;
- Instrumentos de medição e controle;
- Retificadora plana;
- Retificadora cilíndrica universal;
- Rebolos;
- Torno mecânico horizontal;
- Sistemas de lubrificação;
- Substância empregada para traçagem;
- Higiene e segurança;
- Serra mecânica;
- Raspadores;
- Rodagem;
- Fornos de tratamento térmico;
- Tratamento térmico;
- Aços-liga;
- Ligas de metais não-ferrosos;
- Recartilhadoras;
- Tolerância;
- Fresadora;
- Elementos de fixação;
- Equipamento para soldagem pelo Processo Oxiacetilênico;
- Equipamento para Soldagem pelo Processo Eletrodo Revestido;
- Tornear superfície;
- Facear e fazer furo de centro;
- Facear rebaixo;
- Facear rebaixo interno;
- Sangrar e cortar no torno;
- Furar usando cabeçote móvel;
- Roscar;
- Rebaixar furo;
- Limar superfície;
- Traçar;
- Puncionar;
- Furar e escarear;
- Esmerilhar superfície plana em ângulo;
- Serrar;
- Calibrar furo com alargador;
- Balancear e dressar rebolo;
- Retificar superfícies;
- Fresar;
- Raspar manualmente superfície plana paralela;
- Tratar termicamente os aços;
- Embuchar;
- Recartilhar;
- Centrar na placa de quatro castanhas independentes;
- Abrir rosca;
- Perfilar com ferramenta de forma;
- Dobrar e curvar;
- Rebitar;
- Preparar equipamento oxiacetilenico;
- Fazer linhas de fusão;
- Pontear pelo processo oxiacetilênico;
- Soldar de juntas de quina com e sem material de adição;
- Preparar equipamento de solda do processo eletrodo revestido;
- Abrir e manter o arco elétrico;
- Fazer cordões paralelos;
- Pontear pelo processo eletrodo revestido;
- Soldar juntas em "T" posição plana - 1F.