• Cursos
  • Escolas
  • Site
  • Aprendizagem Industrial
  • Cursos Livres
  • Cursos Tecnicos
  • Faculdade
  • Pós-Graduação
  • Capital
  • Grande São Paulo
  • Interior

Alunos do SENAI-SP e SESI-SP vencem uma das principais competições mundiais de Robótica

A A A

Equipes conquistaram primeiro e segundo lugar geral e concorrem a mais quatro premiações da FIRST Robotics Competition (FRC)

27/05/2021

Os alunos do SENAI-SP e do SESI-SP trouxeram mais conquistas para o quadro de medalhas das entidades. A participação na temporada 2020-2021 da First Robotics Competition (FRC), um dos principais eventos mundiais de robótica voltados para estudantes, rendeu o primeiro lugar no grupo Manganês, com a equipe Nióbio, formada por alunos de Campinas e o segundo lugar no grupo Vanádio, com a equipe Megazord, composta por estudantes de Jundiaí, ambos na etapa regional América Latina. 

As equipes da indústria paulista ainda conquistaram mais duas premiações com os alunos de Bauru, da equipe Robonáticos, e os estudantes do SENAI "Roberto Simonsen", de São Paulo, que também foram finalistas em seus respectivos grupos.  

O tema da temporada, chamada de Infinite Recharge at Home Challenge Skill Competition, foi FIRST Game Changers, focado na prática de esportes. A competição aconteceu exclusivamente de modo online, por conta das restrições da pandemia da Covid-19. Participaram mais de 1300 equipes de todo o mundo, que foram divididas em 52 grupos (cada um batizado com o nome de um elemento da tabela periódica) e concorreram em quatro categorias. Apenas duas equipes brasileiras chegaram na final, ambas formadas por alunos do SENAI-SP.   

Na premiação First Innovation Challenge, os participantes precisam propor uma solução para um problema real da sociedade, relacionado ao tema da temporada (a prática esportiva), além de construir um modelo de negócios e um protótipo.  

Os alunos de Jundiaí, que formam a equipe Megazord, projetaram um robô compacto com inteligência artificial, que apresenta treinos específicos e verifica os movimentos feitos durante os exercícios físicos para auxiliar e incentivar a prática esportiva. Por ter se destacado na etapa regional, a equipe está classificada para o Global Innovation Awards, etapa mundial disputada pelos 20 melhores do globo, que reconhece as principais inovações desenvolvidas por estudantes de robótica em todo o mundo. A competição está prevista para o fim do mês de junho. 

A equipe Nióbio, do SESI e SENAI de Campinas, criou um aplicativo para celular que conecta pessoas com deficiência para que possam se conhecer e se reunir em locais voltados à prática de esportes adaptados. A escola ainda conquistou o Dean’s List com a aluna Vanessa Mendes Vieira da Silva, por sua postura de liderança. Agora ela concorre ao mesmo prêmio pela FRC com jovens de todo o mundo.  

O projeto dos estudantes de Bauru, que formam a equipe Octopus, apresenta uma prótese sustentável para pessoas com amputação transradial nos membros superiores, permitindo que elas possam praticar tênis, além de tênis de mesa e golfe, a partir de uma possível expansão.  

Os alunos de São Paulo, da equipe Robonáticos, desenvolveram um dispositivo eletrônico que auxilia pessoas com deficiência visual a praticarem atividade física sem o acompanhamento de outra pessoa. O projeto usa um microcontrolador, que acompanha o exercício por meio de sensores de flexão posicionados em pontos específicos. Caso o usuário realize algum movimento incorreto, o dispositivo emite um sinal sonoro.  

 

FIRST 2020-2021   

Premiação  

Colocação  

Equipe  

Localidade  

Infinite Recharge at Home, final em 21/4/21  

1º lugar  

SESI SENAI Nióbio 7566  

SENAI Campinas  

Infinite Recharge at Home, final em 21/4/21  

2º lugar  

SESI SENAI Megazord 7563  

SENAI Jundiaí  

Innovation Challenge, resultado em maio/21 

Semifinalista 

SESI SENAI Nióbio 7566 

SENAI Campinas 

Innovation Challenge, resultado em maio/21  

Semifinalista  

SESI SENAI Octopus  

SENAI Bauru  

Innovation Challenge, resultado em maio/21 

Semifinalista  

SESI SENAI Robonáticos  

SENAI São Paulo - Brás “Roberto Simonsen”  

Innovation Challenge e Global Innovation Awards, final em junho/21   

Finalista, concorrendo à premiação global de inovação  

SESI SENAI Megazord 7563  

SENAI Jundiaí  

 

 

Temporada 2020-2021  

A FIRST anunciou oficialmente, no último dia 21, a premiação dos vencedores da competição classificada de Skills Competition para a temporada 2020-2021, chamada Infinite Recharge at Home Challenge

Nesta modalidade, os 52 grupos tiveram que completar as missões determinadas pela FIRST virtualmente, com seus robôs funcionando em modo autônomo e teleoperado, além de enviar os vídeos para a avaliação. No total, foram 8969 vídeos de robôs e 995 GB de dados.   

Os alunos foram avaliados a partir de apresentações feitas em inglês, pelo Teams e concorreram nas seguintes categorias:  

Woodie Flowers | Reconhece o mentor mais inspirador, que possui habilidades de comunicação eficazes para transformar seus alunos em líderes nas áreas de ciência e tecnologia. O material enviado é desenvolvido exclusivamente pelos alunos, por meio de uma redação com detalhamentos solicitados pela FIRST.   

Dean’s List | Premia o aluno que mais se destaca e melhor desempenha os valores e compartilha as mensagens da FIRST: trabalho em equipe, liderança, inovação, descoberta, inclusão e inovação.   

Chairman’s | Prêmio mais importante da competição, na qual os robôs engajam as equipes a fazer a diferença social no mundo.   

The Game Design Challenge | Convida as equipes a projetarem um jogo de competição de robótica para concorrerem a prêmios. É uma oportunidade de expor seu trabalho para os designers de jogos da FIRST Robotics Competition.  

Innovation Challenge | As equipes identificam um problema do mundo real, relacionado ao tema da temporada, e a partir daí projetam uma solução, constróem um modelo de negócios, fazem um protótipo e fornecem argumentos de venda para competir com outras equipes de FRC do mundo inteiro.  

Mais sobre a FIRST  

A FIRST (For Inspiration and Recognition of Science and Technology) é uma organização sem fins lucrativos, fundada em 1989 pelo inventor americano Dean Kamen, para estimular jovens a seguirem carreiras nas áreas da ciência e tecnologia e a se tornarem os novos líderes do século 21.  

Com o lema “Mais do que robôs", as competições acontecem desde 1992 e estimulam o desenvolvimento robôs de porte industrial, além de promover valores importantes como descoberta, inovação, impacto, inclusão, trabalho em equipe e diversão.

A faixa etária dos participantes, de 14 a 18 anos, abrange os alunos do Ensino Médio do SESI-SP, articulado com o curso técnico do SENAI-SP.